ELRA-220

Clique para Ampliar (imagem)


Descrição

01 (um) Equipamento completo para hidrojateamento combinado de alta pressão e sucção de procedência nacional, modelo ELRA-220 da SIBRAVAC, montado sobre Skid metálico e acoplado sobre chassi de caminhão fornecido pelo cliente, para a limpeza de reservatório de abastecimento de água.

Especificações

Tanque Reservatório

Tanques com formato cilíndrico e tampos abaulados, com capacidade total de 12.000 litros, dividido em dois compartimentos sendo 10.000 litros na parte dianteira, destinado ao armazenamento da água potável e 2.000 litros na parte traseira, destinados aos detritos coletados por sucção. Os tanques serão construídos em chapa de aço carbono 3/16” (4,76mm) e reforçado externamente com cintas de viga “U” 3” laminada.

Cada compartimento terá:

Compartimento de Água Potável – 10.000 litros

  • Quebra-ondas na parte interna;
  • Boca de visita / abastecimento Ø 500 mm, com respiro tipo cabo de guarda-chuva na parte superior;
  • Visor de nível tipo coluna;
  • Dreno inferior com válvula gaveta;
  • Bocal tipo “storz” Ø 2.1/2” para carregamento por hidrante de coluna.

Compartimento de Detritos – 2.000 litros

  • Boca superior de 500 mm com válvula de retenção por bóia;
  • Sifão depurador instalado na lateral superior do tanque, dotado de manovacuômetro com diâmetro de 4.1/2”, escala compatível com o padrão de funcionamento, com enchimento de glicerina, instalado no painel de controle para monitoramento da pressão de trabalho, vácuo e dreno com registro de esfera Ø 1.1/4”;
  • Dois visores de vidro temperado com prático sistema de limpeza;
  • Tubulação de carga com registro de esfera Ø 4” e bocal de engate rápido, instalado na lateral traseira do tanque;
  • Tubulação de descarga com válvula de esfera Ø 4” passagem plena e bocal de engate rápido, instalado na parte inferior da tampa traseira (compartimento de detritos), com saída próximo à tubulação de carga;
  • Abertura lateral dotada de tampa para limpeza de materiais sólidos.

Aspectos Gerais

  • Escada lateral bi partida, para acesso à parte superior do tanque;
  • Plataforma lateral antiderrapante;
  • Para-choque traseiro articulado, conforme normas vigentes do CONTRAN;
  • Suporte para cones;
  • Suporte para extintor;
  • Suporte lateral para escada universal;
  • Protetores laterais, conforme resolução nº 323/09 do CONTRAN;
  • Armários laterais com portas (volume mínimo 200 litros), dobradiças inferiores e fechaduras com chave, borrachas de vedação automotivas, compartimentos individuais para guarda de acessórios de segurança, Para o revestimento interno dos armários, será aplicado tinta a base de borracha e na parte superior externa dos armários laterais instalar placas de borracha antiderrapante;
  • Plataforma traseira para acomodação de dois carretéis hidráulicos, com estrutura em Viga “U” dobrada e assoalho em chapa antiderrapante.

Pintura

  • A pintura das partes metálicas do equipamento será realizada com jateamento com fundo anticorrosivo com preparação em cromato de zinco em dupla camada e pintura em epóxi industrial na cor branca;
  • A superfície interna do tanque terá revestimento com fundo cromato de zinco e acabamento com alcatrão epóxi.

Sistema de Bombeamento

  • Bomba Centrífuga multiestágio com vazão de até 30 m³/hora e pressão de até 110 m.c.a;
  • O circuito de alimentação da Bomba será dotado de duas válvulas de esfera e filtro “y”, Ø 4, sendo uma interligada ao tanque e outra com bocal de engate rápido como “espera” para alimentação externa de água;
  • O circuito de recalque da Bomba será dotado de três válvulas de esfera, com diâmetro de 3”, sendo dois como “espera” traseira para acoplamento das mangueiras dos carretéis hidráulicos, dotados de engates rápido e um como linha de retorno/abastecimento do tanque.

Sistema de Sucção

  • Bomba de vácuo de anel liquido para trabalhar com vácuo de até 720mmHg e deslocamento de até 21m³/min.;

Acionamento do Sistema de Bombeamento e Sucção

  • O acionamento dos sistemas de bombeamento e sucção é feito por Motor Estacionário, movido a óleo diesel, com funcionamento independente do sistema motriz do caminhão.

Motor Estacionário

  • Partida elétrica com bateria independente;
  • Dimensionado adequadamente, com capacidade para acionar os sistemas de bombeamento, sucção e demais componentes hidráulicos;
  • Adaptado para serviços contínuos e pesados;
  • Equipado com aparelhos automáticos de desligamento por baixa pressão de óleo lubrificante, alta temperatura de funcionamento e chave de parada emergencial;
  • Tanque de combustível independente com capacidade mínima para 150 litros de diesel em material plástico resistente e flexível, com quebra ondas interno.
  • Equipamento novo, com modelo em linha de produção, garantida a compra de peças de reposição pelo período mínimo de 05 anos no mercado nacional.

Carretel de Mangueiras

O Equipamento será dotado de dois carretéis hidráulicos do tipo “fixo”, dimensionados para armazenar 150 (cento e cinquenta) metros cada um, de mangueira com diâmetro de 2” com guia de modo a evitar o remonte e sobreposição de camada de forma irregular.

Os carretéis serão instalados na plataforma traseira do equipamento, com estrutura de sustentação independente, com acionamento hidráulico nos dois sentidos de rotação, com comando centralizado e com regulagem de velocidade em ambos os sentidos.

O sistema terá capacidade suficiente para arraste do conjunto de mangueira e bico com plena capacidade de trabalho.

Painel de Comando e Controle

O painel de controle do equipamento será instalado na parte traseira do veículo, em local de fácil acesso e operação, com os seguintes componentes:

  • Manômetro de pressão da bomba d’água, em escala compatível com a faixa de trabalho do equipamento, com diâmetro de 10 cm e lubrificado internamente por glicerina líquida;
  • Manovacuômetro com diâmetro de 4.1/2”, escala compatível com faixa de trabalho do equipamento, com enchimento de glicerina, para monitoramento do sistema de sucção;
  • Horímetro para controle de tempo de trabalho do equipamento;
  • Manômetro de pressão do óleo do motor estacionário;
  • Termômetro do sistema de arrefecimento do motor estacionário;
  • Tacômetro para controle da rotação do motor estacionário;
  • Voltímetro indicador de carga da bateria;
  • Medidor de nível de óleo combustível do motor estacionário;
  • Luz indicadora de temperatura elevada;
  • Luz indicadora de pressão do óleo baixa;
  • Luz indicadora de baixa carga da bateria;
  • Interruptores dos refletores e do sinalizador;
  • Tomada fêmea energizada para ligação de luz auxiliar;
  • Conjunto de partida chaveado;
  • Comando eletrônico de aceleração do motor estacionário;
  • Botão de emergência para o desligamento instantâneo do motor estacionário;
  • Iluminação noturna;
  • Comando hidráulico dos carretéis;
  • Placa de identificação das funções dos comandos e dos instrumentos feitos em alumínio e gravados em idioma português brasileiro.

Acessórios e equipamentos

  • 300 (trezentos) metros de mangueira com diâmetro de 2”, divididos em dois lances de 150 (cento e cinqüenta) metros, pressão de trabalho compatível com a requerida pela bomba, instaladas nos Carretéis traseiros;
  • 01 (um) Bico de jato regulável diâmetro de 2.1/2”;
  • 01 (um) Bico de jato sólido diâmetro de 2.1/2”;
  • 01 (um) lance de mangueira de hidrante, tipo 2, linha industrial diâmetro de 2.1/2” com 20 (vinte) metros;
  • 05 (cinco) metros de mangote de sucção em PVC, diâmetro de 4”, para carregamento do tanque por sucção de água, dotado de Válvula “Sapo” em uma das extremidades;
  • 40 (quarenta) metros de mangote de sucção em PVC Ø 3” para carregamento dos detritos;
  • 20 (vinte ) metros de mangote de PVC, diâmetro 4” para descarga (detritos);
  • 02 (dois) bocais para mangote de sucção Ø 3”;
  • 02 (dois) bocais para mangote de sucção de Ø 4”;
  • 02 (duas) tampas cegas para os bocais de engate rápido;
  • 02 (dois) faróis móveis direcionais Ø 6”, instalados na parte superior traseira do tanque, acionados através de um interruptor instalado no painel de comando, interligado e alimentado pela própria bateria do equipamento para execução de trabalhos noturnos;
  • 01 (um) farol móvel portátil, 12 Vcc, com cabo flexível industrial com 20 (vinte) metros de comprimento e pino industrial para conectar à tomada;
  • 01 (um) sinalizador intermitente e/ou rotativo de segurança na cor amarelo âmbar, instalado na parte superior traseira do equipamento.